Home Sem categoria Descoberto genes da colonização micorrízica na soja.

Descoberto genes da colonização micorrízica na soja.

0

Como a maioria das plantas, a soja se combina com fungos do solo em uma relação micorrízica simbiótica. Em troca de um pouco de açúcar, o fungo atua como uma extensão do sistema radicular para atrair mais fósforo, nitrogênio, micronutrientes e água do que a planta poderia por si só. 

Os fungos micorrízicos ocorrem naturalmente no solo e estão disponíveis comercialmente como inoculantes do solo, mas uma nova pesquisa da Universidade de Illinois, nos Estados Unidos, sugere que nem todos os genótipos de soja respondem da mesma maneira às suas relações micorrízicas. “Em nosso estudo, a colonização radicular por uma espécie micorrízica diferiu significativamente entre os genótipos e variou de 11 a 70%”, diz Michelle Pawlowski, pós-doutorada no Departamento de Ciências de Culturas de Illinois.  

Para chegar a esse resultado, Pawlowski cultivou 350 genótipos diversos de soja em vasos cheios de esporos de um fungo micorrízico comum. Após seis semanas, ela olhou as raízes sob um microscópio para avaliar o nível de colonização. 

 “Foi um pouco arriscado, porque não sabíamos muito sobre o relacionamento da soja com micorrizas e não sabíamos se ocorreriam diferenças na colonização entre os genótipos de soja. Então, quando examinamos os genótipos de soja e encontramos diferenças, foi um grande alívio”, diz Pawlowski. “Isso significava que havia um potencial para encontrar diferenças genéticas também”, completa. 

O processo de colonização das raízes começa antes que os esporos dos fungos germinem no solo. As raízes exalam produtos químicos, provocando esporos a germinar e crescer em direção à raiz. Uma vez que o fungo entra em contato, há uma complexa cascata de reações na planta que impede o ataque defensivo usual contra patógenos invasores. 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here