Home Sem categoria Expectativa de crescimento no Mato Grosso impulsiona ‘safrinha’ de milho.

Expectativa de crescimento no Mato Grosso impulsiona ‘safrinha’ de milho.

0

Com perspectivas de crescimento na área plantada do milho ‘safrinha’, em meio a uma demanda aquecida e preços sustentados do cereal, a INTL FCStone espera uma produção mais otimista para 2019/20, em 74,28 milhões de toneladas, aumento de 3,2% em relação ao número divulgado anteriormente.

Espera-se um crescimento da área plantada no Mato Grosso, alcançando-se 5,14 milhões de hectares, com a produção esperada em 33 milhões de toneladas.

Segundo o último levantamento da INTL FCStone, até o dia 28/02, 95% da segunda safra de milho do Mato Grosso já estavam plantados. A partir de agora, o clima vai ser acompanhado de perto.

Em relação à primeira safra a perspectiva da INTL FCStone apresentou pequeno corte em março, ficando em 25,7 milhões de toneladas. “O Rio Grande do Sul passou por mais uma redução na produtividade esperada, diante da irregularidade das chuvas”, explica a analista de inteligência de mercado do grupo, Ana Luiza Lodi. Situação parecida também foi observada em Santa Catarina, com expectativas de produtividade e produção um pouco menores em relação a fevereiro.

Mesmo com essa revisão para baixo, as boas perspectivas para a safrinha podem levar a um novo recorde de produção total, em 101,1 milhões de toneladas. Cabe lembrar que a produção total de milho considera também o número de produção para a 3ª safra da Conab, de pouco mais de 1 milhão de toneladas.

As expectativas de aumento na oferta são acompanhadas por um avanço esperado no consumo doméstico, estimado em 70 milhões de toneladas, incentivado pelo consumo para ração e também para etanol, com vários projetos de usinas em andamento. “As preocupações com uma restrição de oferta do cereal, principalmente antes da entrada da safrinha no mercado, se mantêm”, avalia Ana Luiza Lodi. Os estoques finais foram estimados pela INTL FCStone em 9 milhões de toneladas.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here