Qual o melhor produto para a lavoura?

O controle químico, para o qual o produtor já se prepara para a compra de produtos agora, ainda é a principal ferramenta de manejo de percevejos. Mas o que adquirir? Qual o melhor produto para a lavoura?

Segundo o Gerente de Produtos Fabrício Pacheco, da ADAMA, uma das principais empresas de proteção de cultivos do mundo, os produtos agrupados nos grupos químicos dos neonicotinóides e organosforados apresentam modos de ação distintos e se complementam no combate aos percevejos. 

A adoção, pelos agricultores, de produtos à base de misturas com neonicotinoides vem crescendo nas últimas três safras: 67, 72 e 77% (Fonte: Pesquisa Spark – Safra 2018 x 2019). “Dentro desse grupo, indicado para controle das ninfas e adultos, o agricultor encontra Galil, que pode ser utilizado tanto na cultura da soja quanto na do milho. No milho, recomenda-se a aplicação quando for constatada a presença do Percevejo-barriga-verde, logo após os primeiros dias da emergência, período no qual a cultura é mais sensível à praga.  

Para a soja, a aplicação de Galil acontece na fase de “canivetinho”, ou assim que a população atingir dois percevejos por pano-de-batida em campos de soja para grãos e um percevejo por pano-de-batida em áreas para produção de sementes. “Os percevejos devem ser monitorados através de amostragens com o pano-de-batida, no mínimo, uma vez por semana, principalmente após o florescimento”, recomenda o engenheiro agrônomo. 

publicado
Categorizado como Sem categoria

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *